Investir em  marketing de conteúdo é a forma mais rápida de alavancar o seu negócio na internet. Quer saber como funciona? Veja agora.

 

Mas, afinal, o que é Marketing de Conteúdo?

O termo é recente, mas a estratégia não.

O que muitas pessoas não sabem é que o Marketing de Conteúdo surgiu muito antes da internet.

Um dos grandes exemplos foi quando um ferreiro americano chamado John Deere, dono de uma montadora de máquinas rurais fundou a revista “The Furrow”, em 1885, com dicas à atividade agrícola. A estratégia deu tão certo, que a revista existe até hoje.

Atualmente, o marketing de conteúdo não é apenas mais uma escolha para quem quer alavancar seu negócio nos canais digitais, mas é um investimento essencial.

O Marketing de Conteúdo é o conjunto de estratégias que tem como objetivo aproximar o negócio de seu público alvo.

Em outras palavras, ele educa o público a querer fazer negócio com você ao invés de empurrá-lo para isso.

 

Por que Marketing de Conteúdo?

Quando surge uma dúvida ou um problema, qual é a primeira coisa que você costuma fazer? Busca no Google, não é mesmo?

Quando fazemos isso, encontramos inúmeras páginas com respostas e conteúdos educativos que podem solucionar o problema.

Supondo que, uma pessoa quer fazer um tratamento dentário, mas não possui um plano de saúde odontológico, ela provavelmente vai buscar respostas na internet.

Neste momento, uma clínica que já possui uma boa estratégia de marketing de conteúdo, e consequentemente, autoridade e visibilidade nos buscadores, poderá atrair esse potencial cliente.

Porém, ela irá responder esse “problema” com um conteúdo educativo em vez de oferecer uma página cheia de ofertas promocionais.

Optar por uma boa estratégia de Marketing de Conteúdo é atrair o cliente e conseguir relevância com conteúdo e informação de qualidade.

Veja agora, alguns passos práticos para aplicar esse conceito no seu negócio.

 

Como implementá-lo no meu negócio?

Marketing de Conteúdo não é apenas escrever textos para blogs, mas um conjunto de estratégias. Veja agora, algumas delas que você poderá aplicar.

 

  1. Definir um Persona

Persona é o perfil do seu cliente ideal, ela pode ser construída a partir dos dados de pessoas que já compraram ou compram de você.

Não basta atrair qualquer pessoa para o seu site, tem que atrair a pessoa certa.

Por isso, todo o planejamento deve ser baseado no conhecimento da sua persona, para conseguir fazer uma segmentação adequada e atrair pessoas que tenham real interesse em seus serviços e produtos.

 

  1. Blog

Tenha um blog com conteúdos informativos e educativos de qualidade. Ele fará com que você tenha mais relevância e os leitores entenderão melhor o seu trabalho.

Não aposte apenas em conteúdos sobre seu setor e nem em ofertas muito diretas, pense em outras possibilidades.

Lembre-se de que o blog é um dos meios digitais mais procurados para esclarecimentos de dúvidas. Então, considere sempre qual é a intenção de busca do seu persona.

Usando o exemplo da Clínica Odontológica, quando a pessoa pesquisa no Google algo como “convênio odontológico individual” ou apenas plano odonto, a intenção de busca diz respeito à necessidade ou desejo de obter um serviço em algum momento.

Sendo assim, a clínica poderá criar um conteúdo como “ X motivos para escolher um plano de saúde dentário”.

Consegue perceber como a estratégia ainda é converter, mas de forma sutil?

 

  1. Redes Sociais

Saber utilizar as redes sociais é importante para a construção da marca e para gerar uma boa visibilidade.

Assim como no blog, não é indicado que faça apenas postagens e conteúdos promocionais.

Tente intercalar com outra informações como: cases, infográficos, vídeos educativos, curiosidades sobre seus negócios, entre outros assuntos. Seja criativo!

 

  1. E-mail marketing

O e-mail marketing não é uma novidade, mas continua gerando muito resultado. Ele permite a comunicação direta com o cliente e com isso, é possível criar uma mensagem personalizada. E isso conta muito!

Além disso, é possível enviar ofertas sobre produtos específicos de interesse do potencial cliente, levando-o a conversão e quando realizada pós venda, uma fidelização.

 

Invista em Marketing de Conteúdo

Neste texto você conferiu algumas dicas sobre como a estratégia de marketing de conteúdo pode alavancar seu negócio e quais são os passos práticos para implementá-la.

Além disso, vimos a importância de saber quem é o seu persona e como criar um conteúdo que faça sentido para ele.

Nós consumimos conteúdo quase o tempo todo e como apresentado, temos por hábito buscar respostas na internet.

Por isso, não tenha medo de investir em Marketing de Conteúdo.

Aplique essas dicas e você terá resultados incríveis para o seu negócio!